Entrando na mente do Gustavo: O Amor

Quando pensamos em amor, o que nos vem na cabeça? Filmes de romance? Livros? Musicas? Tenho certeza que sim mas, e o amor de verdade? Eu sei que você já se perguntou onde ele está!

Com o passar do tempo eu comecei a me perguntar, o que era o amor e o quais são seus efeitos? As pessoas falam tanto dele mas nenhuma o descreve de maneira que eu entenda! Então, quando vou entender? São muitas perguntas e poucas respostas.

Já se passaram uns 15 anos que estou a procura da resposta do amor, eu ainda não fui atingido pelo cupido do dia dos namorados, igual aos desenhos animados… Você provavelmente deve estar dizendo a si mesmo “Que tema clichê para se tratar em um blog”. Mas as vezes sentimos vontade de nos abrir.

Fico vendo os filmes românticos e me perguntando: “Será que algum dia, isso vai acontecer comigo?”. A duvida continua… Mas a resposta ainda não foi respondida, acho que o tempo dirá!

Muitas pessoas dizem que o amor e o fato de estar apaixonado é bobagem e é pura perda de tempo, mas é óbvio que essas pessoas nunca estiveram apaixonadas, ou não tiveram um romance e sim um lance kkkk. Mas quando nos apaixonamos é como se apenas nós existíssemos e os problemas são apenas problemas, nada com se preocupar.
As pessoas me veem como um palhaço e tenho certeza que muitas delas pensam que sou incapaz de amar, mas elas estão completamente enganadas! Todos somos capazes de amar, até os palhaços. Acho até que os sentimentos de um palhaço são mais frágeis que os de uma pessoa “normal”.

E com o passar do tempo eu tenho percebido… Ou estou viajando, mas sinto que as pessoas não querem mais amar. Sinto que elas estão desistindo aos poucos, pela falta de amor no mundo! Mas se todos nós amarmos, quem sabe o mundo não se torne um lugar melhor e cheio de amor?

As musicas, elas não falam mais de amor, falam de sexo, bebidas, dinheiro, drogas e Ex-namorados. Encontrar melodias tem sido a coisa mais difícil nesses últimos tempos… Se bem que eu não sou muito chegado em musicas românticas, pois quando você escreve, canta ou mesmo escuta uma musica romântica, você automaticamente está dedicando ela a alguém e eu não tenho ninguém para dedica-las…

As pessoas que amam alguém, ficam dedicando musicas e textos para o companheiro(a), e as pessoas de fora apenas assistem ao espetáculo, até que ele acabe. E com isso eu vou vendo que tudo está mais rápido… Os namoros, baterias de celular, internet… E alguns destes itens vão se esgotando rapidamente conforme o amor vai “acabando”, sinto que nesses casos não foi amor de verdade, mas apenas uma paixão disfarçada de amor.

Também vivo me perguntando… Será que o amor tem um prazo de validade? Tantas pessoas terminando relacionamentos e começando outros novos, talvez o amor de um seja mais forte que o amor de outro, por isso as pessoas terminam! Estão apenas procurando amores mais fortes e mais intensos. Pessoas que traem… Será que o amor delas já estava com os dias contados desde o inicio? Nunca saberemos, ou talvez você saiba!

E o amor vem de várias formas, não precisa ser de branco para branco, negro para negro ou homem para mulher, podemos misturar tudo e ver no que dá! Apenas temos que aceita-lo e assumi-lo!

E essas pessoas que são casadas a 40, 50, 100 anos e ainda se amam! Fico me perguntado qual é a marca desse amor e onde vende kkkkk. Brincadeira, mas fico maravilhado, pois sei que esse amor viveu varias turbulências e ainda está em pé… Espero ter um amor desse, e espero que você também tenha 🙂

Anúncios

3 pensamentos sobre “Entrando na mente do Gustavo: O Amor

Comenta ai :]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s